não sei minha senha

Os segredos do espresso (ou expresso?)

Existem muitas curiosidades em torno do termo “ espresso” (ou “café expresso”). Muita gente pensa que a palavra espresso tem a ver com a velocidade com que o café é tirado. Mas não. O que dá ao café a qualidade de espresso é a forma como ele é extraído da máquina: sob pressão.

 

Para você entender melhor sobre este processo: numa máquina específica, a água muito quente (um pouco abaixo do ponto de fervura) passa pela alta pressão do café moído. A bebida sai encorpada, consistente, cremosa e com cor de avelã. Tem aroma e espuma. Este é o espresso.

 

Outra curiosidade é sobre a grafia. No Brasil, a palavra expresso com x é mais usada, mas o espresso surgiu na Itália, onde sua escrita é com s. E esta foi a nossa escolha, a nossa homenagem, a nossa forma de disseminar a história e manter a tradição do espresso. Pode parecer só um detalhe, mas nós entendemos como um carinho a mais.

 

COM OU SEM AÇÚCAR?

 

Embora seja uma questão de paladar, um bom espresso não precisa de açúcar. Ele é muito saboroso mesmo com seu leve amargor (que nunca pode ser exagerado).

 

Porém, aqui vai uma dica. Se, ainda assim, você prefere o seu adoçado, preste atenção: ao colocar açúcar no seu café, ele deve permanecer na superfície do creme antes de afundar. Isso vai dizer se o seu espresso foi bem tirado ou não.